Depoimentos

Adriana Araujo

Me Chamo Adriana, tenho 35 anos, fui uma criança e adolescente magra, mas o comodismo depois de uma gestação aos 19 anos me levaram a obesidade grau 1, isso me trouxe muitos problemas, pois não aceitava o meu corpo mas ao mesmo tempo não tinha atitude para mudar. Morei fora do meu corpo por 16 anos.
Foi então que um dia através de uma rede social procurei o espaço viva light e marquei minha primeira consulta, medo era a palavra que me dominava no momento!
Mas eu precisava dar um basta, queria voltar a me aceitar...voltar a ter autoestima, aliás eu já nem sabia mais o que era isso.
Quando subi na balança levei um susto, porque eu já nem me pesava mais, já estava conformada com aquele corpo,mesmo não sendo feliz!!Chorei no consultório me perguntando porque deixei chegar naquele ponto!
Naquele momento tomei um choque de realidade e tracei uma meta... Voltar a me amar imediatamente! Foi então que proposto pela nutricionista comecei a fazer reeducação alimentar e atividade física e uma vez por semana frequentava as reuniões em grupo, comendo sem restrições e baixando meu peso a cada encontro só me davam motivação para não desistir. Hoje depois de 9 meses e 15kg a menos... me reencontrei... descobri uma pessoa que estava adormecida dentro de mim... Descobri como é bom escutar elogios, me sentir bem comigo mesma. Sei que esta caminhada será para a vida toda e hoje me sinto preparada para seguir, pois nada pode ser maior que nosso sonho. Só tenho a agradecer a Vivian que nunca me deixou desanimar e me mostrou que foco,determinação e força de vontade são os ingredientes pra uma vida saudável. Se eu consegui...você também consegue!!! Enfim... feliz por escolher minhas roupas e não mais ser escolhida por elas!!!


Danieli Amorim

Meu pai é obeso e tem diabetes, minha mãe está acima do peso, ou seja, minha genética não me favorece. Temos um mercado e sempre tive liberdade de pegar o que quisesse, outro fato que não me favorece. Tenho gastrite, hérnia de hiato e refluxo, causando que eu fique com a barriga sempre inchada. Com 13/15 anos fiquei abaixo do peso por fazer "dietas loucas", e sofri já bastante de "efeito sanfona" porque se me descuido fico acima do peso, mas não quero mais isso... quero ter peso ideal pro resto da vida.
Minha meta agora é manter e sinceramente no meu caso é a parte mais difícil, todo mundo elogia, ou fica com medo que eu emagreça demais, tem pessoas que chegam a dizer "eras tão bonita mais gordinha", mas eu sempre me sentia tão ruim em estar acima do peso e cheia de doenças, e o fato de gases, prisão de ventre, etc, sempre me perguntavam se eu estava grávida, se soubessem que aquilo acabava comigo...
Mas enfim, Vivian foi uma amiga, psicóloga e nutricionista para mim, falou na lata que se eu continuasse naquele embalo de lanches e comida congelada cheia de sódio e conservantes me causaria um câncer próximo, eu raciocinei e pensei eu quero viver, quero me amar e quero ser saudável e consegui. Acho que todos nós conseguimos, mas tem que querer do fundo do coração e saber lidar com os altos e baixos.
27/11/14 foi minha última visita, 6 meses mantendo, quero muito manter pra sempre.


Berenice Marques Braz

Foi em uma consulta médica que, ao subir na balança, não mais me reconheci. Aquele número foi apenas a comprovação de que eu não era mais a mesma pessoa. Há algum tempo cansava com qualquer caminhada, fazer as unhas dos pés nem pensar. Enfim, eram muitas dificuldades ... Mas aquele número foi a "gota d'água" - fazia algum tempo que não enfrentava a balança.
Decidi que daquele dia em diante aquele realidade iria mudar. Procurei, então, o Espaço Viva Light, o qual já tinha conhecimento. Conheci a Vivian - foi "amor à primeira vista". Pessoa incrível que, com seu amor pela profissão e pelas pessoas, faz a grande diferença nesse processo de mudança de vida. E o grupo, então, nem se fala!!! Foi tudo de bom!! A cada semana novas experiências, alegrias, algumas decepções - divididas e amenizadas. A cada quarta-feira as energias se renovavam no encontro com as colegas, foram momentos muito importantes na minha trajetória. Hoje, em manutenção, depois de mais de um ano, com 20 quilos a menos, estou muito feliz por ter atingido meu objetivo. Tudo melhorou ... minha saúde, autoestima, relação com a comida, relação com as pessoas. Sou uma pessoa melhor, não apenas por estar mais magra, mas, principalmente, por saber que fui capaz. Eu sempre acreditei!!!
Somos capazes de realizar tudo aquilo que realmente queremos!!!
Obrigada Vivian!
Obrigada colegas da quarta às 6 !
A luta é diária, ela continua! Mas aprendi quais as armas devo usar e, por isso, se torna mais fácil vencer!


Dalva Cássia Correia

Eu me chamo Dalva e resolvi mudar os meus hábitos alimentares na tentativa de emagrecer, já que havia feito vários tipos de dietas, inclusive com medicamentos que são controlados.
No início, até funcionavam, conseguia perder peso, porém quando parava, engordava mais que antes do regime. Sem falar nos problemas que estes medicamentos acarretavam à minha saúde, como: insônia, taquicardia, nervosismo, hipertensão, enfim, não obtive êxito nessas dietas malucas.
Então, resolvi fazer uma reeducação alimentar, mas eu tinha as minhas dúvidas se iria conseguir mudar realmente a maneira de "pensar", pois imaginava que passaria muita fome, que os alimentos seriam difíceis de ser encontrados no mercado. Nada disso, foi mais fácil do que eu pensava, na primeira semana já havia conseguido perder 1,5 kg, e assim por diante. Toda a semana lá estava eu, perdendo peso, comendo coisas saudáveis e muito feliz por estar alcançando os meus objetivos.
Hoje eu penso diferente, e tenho certeza que podemos perder peso sim, sem grandes sacrifícios, pois mudanças de hábitos não são sinônimos de "fome" e sim de "comer bem" (saudável).
O meu gráfico de perda de peso está lindo! Graças ao meu esforço, minha determinação a ao auxílio da Vivian, já emagreci 15,6 kg. Minha meta é diminuir 20 kg, falta muito pouco agora. Adoro o grupo de emagrecimento, pois o mesmo é unido e solidário.
Ass: Dalva. 13/06/14
Obs: início 04/10/13


Eduarda Lopresti da SIlva

Participar do grupo de emagrecimento foi muito gratificante, pois além da perda de peso, possibilitou uma mudança de hábitos.
A metodologia adotada contribuiu, e muito, para atingir o meu objetivo, que era perder 20 quilos, meta que foi atingida após dez meses.
Compartilhar com o grupo, e sob orientação da nutricionista, nossas expectativas, frustrações e resultados foi um dos principais fatores para concretização da meta de emagrecimento.
Acredito que o grupo atuou como um estímulo, já que todos estão com o mesmo objetivo e, na maioria das vezes, apresentam as mesmas dificuldades.
Gostaria de destacar as orientações da nutricionista, as quais foram determinantes para a obtenção do resultado, porque não se restringia apenas à elaboração de um cardápio, mas na apresentação de diversas alternativas que me auxiliaram na obtenção do resultado.
Entendo que o processo de emagrecimento não se resume à uma alimentação equilibrada e prática de exercícios físicos, são uma série de fatores que podem contribuir para o ganho de peso ou a dificuldade de emagrecimento. Penso que a dinâmica do grupo visa trabalhar tais questões, apontando novas forma de avaliar nossas escolhas, principalmente no que tange à alimentação.
Superado o processo de emagrecimento, que ocorreu muito antes do esperado, surgem novos desafios, considerando que o método é de reeducação alimentar, com a mudança de atitudes, construída durante todo o processo de perda de peso, me sinto confiante e certa de que aprendi e escolhi viver de forma saudável.


Gleidson Nascimento

Vou aqui relatar meus primeiros problemas com a gordura. Em meados de 2006, me senti mal, nessa época eu pesava 117 kg. A partir daí, comecei a querer mudar, sendo que é muito difícil começar. Eu era uma pessoa sem autoestima, pois tinha muita vergonha de sair e conviver com outras pessoas. Minha vida começou a mudar completamente, pois uma coisa que eu tenho de bom é a determinação. No final de 2007, estava com 12 kg a menos e no final de tudo emagreci 28 kg, me transformando em outra pessoa, minha alimentação mudou radicalmente.
Nesse período, acabei relaxando um pouco e novamente ganhando peso, que me renderam 100 kg novamente. Foi quando comecei a ter conhecimento do Espaço Viva Light através de uma amiga que faz tratamento lá. Marquei minha primeira consulta com a Vivian e aí se deu uma nova rotina de alimentação. Em três meses estava com 11 kg a menos e novamente uma vida saudável. Através do novo plano alimentar que a Vivian fez para mim, posso hoje ter uma vida pessoal e profissional de uma maneira bem saudável, comendo bem, praticando atividades físicas e com uma autoestima em andamento. Através do Espaço Viva Light, posso hoje ter uma alimentação normal, balanceada e cheia de saúde.


Ivana Salies

Tudo começou quando fui a ginecologista em março de 2012, tinha na bagagem 20 anos, 100 kgs, colesterol alto, tendência a diabetes e uma vontade enorme de deixar as coisas como estavam. Mas naquela consulta algo mudou. De certa forma escolhi que poderia realinhar as diretrizes da minha vida e escolher um jeito de viver que fosse mais condizente com a condição humana, a condição natural, e por consequência mais saudável.
Comecei o processo e sei que são diversos os fatores que se complementam e que podem trazer a verdadeira mudança, mas essa deve ser feita pelo motivo certo: saúde. Somente em prol da saúde a jornada é honesta e pode trazer resultados verdadeiros.
Com a primeira consulta marcada na nutricionista Vivian Almeida, obtive o que seria meu primeiro itinerário alimentar, e ao longo de diversos meses ela teve papel fundamental no processo. Uma vez por mês comparecia ao consultório e adaptavamos a rotina, conversavamos sobre as dificuldades no processo e eu era extremamente motivada pela vontade de continuar. Em contraponto a primeira consulta, na qual fui bem clara quanto a minha resistência aos exercícios físicos, as minhas consultas seguintes fizeram minha opinião convergir com a dela, entendendo que não existe mudança alimentar sem essa atividade. Parece auxiliar, mas de fato tem importância fundamental. Não cabe aqui explicar os motivos químicos e biológicos, mas vale dizer que a atividade física motiva, traz bem estar, não deixa a motivação cair e no meu caso foi o que ajudou a seguir em frente.
Como tudo não é perfeito, as dificuldades são enormes. Durante esse processo passei vontade, levei marmitas comigo o dia inteiro, abri mão de muitos passeios, perdi uma boa parte do meu dia em função dessa mudança, comecei a achar normal levar água e cookies em lanchonetes ou escolher a opção mais saudável do menu. Porém, em troca ganhei o gosto pela alimentação funcional, o desejo de aprender mais sobre isso, estar mais em contato com a natureza e aprender a conviver bem com meu corpo. Por vezes me sentia desmotivada, mas adquiri um conhecimento sobre meu funcionamento, e entendia que era normal, e que passaria. Deve-se estar atento as respostas do corpo. Quando esse momento acontecia eu lia revistas sobre o assunto, blogs, livros, fazia uma receita nova, enfim, são várias as técnicas.
Um ano e 28,5 kgs depois, entendi o quanto é prazeroso ter domínio sobre a nossa mente. Hoje vivo uma vida mais equilibrada, me permito diversas coisas, respeito as mudanças de rotina, sempre buscando reacender essa vontade de levar uma vida saudável e poder ser verdadeiramente feliz, é isso que me move.


Lourdes Helena Moraes Canary

Procurei o Espaço Viva Light, pois após 6 meses de uma cirurgia estética havia adquirido todos os quilinhos que tinham me retirado. Tinha visto o anúncio no jornal que referia-se aos grupos de reeducação alimentar, resolvi fazer esta experiência depois de várias dietas frustradas.
O grupo é uma experiência ímpar, a reeducação veio para ficar em minha vida. Em minha casa, todos emagreceram muito e passaram a acreditar que é possível viver sem frituras, sem refrigerante, sem miolo de pão, etc.
Agradeço muito ao Espaço Viva Light, em especial a pessoa da Vivian Almeida, pela dedicação de seu trabalho, que é exemplar.
Hoje, me sinto totalmente reeducada e me peso semanalmente na clínica, estou em período de manutenção e minha vida com certeza é muito mais saudável, me sinto bem melhor e, mais feliz. Melhor do que o prazer de comer, é o prazer de não ter comido.


Leila Porto Santos

Agradeço à querida nutri Vivian Almeida, por nos oferecer este espaço, onde aprendi o que é reeducação alimentar, sem sacrifícios e sem angústias de um regime tradicional.
Assim, aprendendo o que é hábito alimentar saudável através dos grupos de ajuda estou feliz com essa mudança, e com certeza de poder levar para sempre.
Obrigada Vivian.
Com carinho,
Leila.


Luciane Ferreira Monks

Entrei pela primeira vez no grupo muito deprimida. Após quatro meses, consegui chegar a minha meta. Foi então, que achando que iria conseguir sozinha na manutenção,saí do grupo.
Com o passar do tempo, tive que voltar, quase pesando meu peso inicial. Foi então que entendi a real importância da ajuda do grupo sob orientação constante da nutricionista.
Dessa vez, bem mais consciente, encarei com responsabilidade minhas metas a serem alcançadas e limites a serem ultrapassados. Assim, em uma de nossas conversas, a Vivian sugeriu que eu deveria me exercitar mais. Então, descobri o prazer da corrida. Não só cheguei a minha meta, como estou conseguindo me manter equilibrada emocionalmente e fisicamente saudável.
Contudo, tenho convicção que esse novo comportamento deve ser mantido através do contato com o grupo para reavivar meu recondicionamento alimentar.


Rejane Alvarenga

Já fiz de tudo para perder peso, desde os meus 18 anos. Dieta da Lua, das proteínas, com inibidores de apetite, mas virava sempre um efeito sanfona, emagrecia e voltava a engordar. Quando tinha 38 anos, num programa de emagrecimento eliminei 40 kg em dois anos, mas não me senti bem comigo mesma, porque sempre fui criança, adolescente e adulta “gordinha”. Me senti como se tivesse outra identidade, isto é, não parecia “eu”. E voltei a engordar, mas não tão rápido como das outras vezes, até porque era só o controle da alimentação. Porém, não fazia muitos exercícios físicos e não me importava tanto com minha saúde. Almejava apenas um bom visual.
Agora sim, há dez meses, emagreci 30 kg, como orientação da minha nutricionista, Vivian Almeida, e o meu grupo, que me ajudou muito nesta caminhada. Atualmente estou numa fase ótima! Vida saudável, pratico exercícios, mudei meu estilo de vida. Não preciso usar mais remédios para controlar a hipertensão, por orientação médica. Antes era sedentária, comia muito e errado. Hoje aprendi a comer (como comer, o que comer, pensar antes de comer, mastigar bem os alimentos).
Hoje me sinto uma pessoa mais feliz, não apenas por ter emagrecido 30 kg, mas principalmente porque aprendi a comer de uma maneira saudável e duradoura, o que me permite manter o peso, que era o mais difícil para mim. Aprendi a conviver socialmente, sem deixar de comer o que gosto, porém de maneira consciente. Me sinto vitoriosa! Às vezes, me sinto até mais nova, pois tenho sempre fôlego e vontade de estar agitando, apesar de ser uma senhora vovó de 54 anos, aposentada. Acredito que tem uma “criança” dentro de mim, talvez por ter trabalhado 32 anos com elas... Adoro minhas netas, viajar, estar em contato com a natureza, animas... Amo a vida!


Simonne Silva

Tudo começou após a segunda gravidez, ganhei peso demais e junto veio a hipertensão e diabetes. Eu pesava 75 kg, no final da gravidez cheguei aos 97 kg. Sempre fui magra, o sobrepeso veio realmente após a segunda gravidez e por não me cuidar, perdi o controle de tudo.
A procura por perder peso foi longa, dietas malucas, remédios, etc, sempre achando que algo milagroso poderia acontecer.
Nesta caminhada, encontrei outras pessoas com a mesma necessidade e pensava: “Eu não sou gorda, estou gorda”. Assim, depois de muita procura, entrei para o grupo intitulado G 10 (10 gordinhas) acompanhadas da nutricionista Vivian Almeida. Neste momento comecei a entender que era possível eliminar peso com saúde e comendo bem.
É difícil, mas não é impossível e, ao ver os resultados, a autoestima prevalece, isso anima e faz seguir adiante.


Envie seu depoimento

Selecione


Autorizo o uso do meu depoimento e imagem.
Ver Termos